A discussão calorosa entre os vereadores da base governista na Sessão Ordinária desta terça-feira 03, repercutiu muito negativamente do ponto de vista político e sobretudo ético. O link da transmissão da Sessão viralizou, sobretudo a fala do Líder da base governista que acusou veementemente o vice-presidente do Legislativo itajuense Gerser Oliveira e seu filho de receberem sem prestar serviços públicos. O fato é que foram explicitados crimes supostamente praticados por agentes públicos. Combalido pela ineficiência de uma articulação política, os fatos evidenciam uma outra oposição dentro do próprio governo, o que coloca em dúvida o projeto de sucessão municipal do prefeito Djalma Orrico. O fim de uma era pode ter chegado ao fim antes de acabar.

Por: Wender Lima

Da redação do blog Tribuna de Palmira

0 comentáriosFechar comentários

Deixe um comentário